Cordilheira de Sant’Ana Tannat

SAFRA: 2010
REGIÃO: Palomas – Campanha Gaúcha
TIPO: Vinho Tinto, 92% Tannat, 4% Merlot e 4% Cabernet Sauvignon
ÁLCOOL: 13,4%

HISTÓRICO: Cordilheira de Sant’Ana é uma Adega Regional de Vinhos Finos porque elabora vinhos exclusivamente de uvas viníferas de seu próprio vinhedo, que tem 24 hectares de área plantada. Foi fundada em 1999 e os proprietários são o casal de enólogos Rosana Wagner e Gladistão Omizzolo. A vinícola, localizada no Paralelo 31º Latitude Sul, é reconhecida como produtora de rótulos de excepcional qualidade, que são o reflexo do terroir onde são produzidos. Referência entre os Tannats brasileiros, com sua safra 2007 foi consagrado como o melhor entre 40 rótulos nacionais desta variedade na Grande Prova Vinhos do Brasil 2018, em Bento Gonçalves, além de ganhar Medalha de Ouro. Este rótulo não é elaborado todos os anos e tem uma longevidade marcante.

NOTAS DE DEGUSTAÇÃO: O Tannat 2010 é um vinho rico em compostos fenólicos, de boa acidez e estrutura. Apresenta visualização rubi-violáceo intenso. O seu longo repouso em barris de carvalho lhe concedeu aromas de geleia de frutas silvestres, chocolate e café torrado. O corte com Merlot e Cabernet tornou-o harmônico ao paladar, assegurando-lhe a maciez necessária para o consumo, bem como um toque arredondado e textura suave, porém sem perder sua personalidade e opulência. Foi maturado em barris de carvalho franceses e americanos por 25 meses. Recomenda-se decantá-lo antes de servir. Harmoniza com carnes vermelhas como gado e cordeiro, carne de porco e caças variadas, pratos com molhos apimentados, além de queijos como Gouda, Ementhal e Parmesão.

ENVELHECIMENTO: Mostra-se estruturado, complexo e perfeito para guardar por cerca de 25 anos.